Páginas

15 de ago de 2014

A Espanha é um cemitério da igreja evangélica.

Igreja

Igreja planeja um plano de expansão para ressurgir o protestantismo na Espanha.


Embora tenha percorrido um longo caminho para abraçar o Evangelho, a Espanha traz alguns obstáculos aos protestantes, indica líder religioso.

Superintendente geral das Assembleias de Deus na Espanha, Juan Carlos Escobar relata que seu país virou um beco sem saída para os evangélicos.

Escobar diz que, com o passar dos anos, o cenário religioso espanhol mudou bastante, virando um "cemitério de pregadores, evangelistas e missionários".

Contudo, ele mostra esperança, e destaca que "eles não são cemitérios de morte, pois têm um terreno fértil para o Evangelho".

Dentro deste otimismo, ele antecipa que tem a intenção de aumentar o número de igrejas, implementando cerca de mil templos até 2020.

"A maior batalha espiritual que podemos fazer contra o diabo é plantar igrejas. [...] É uma agência de Deus", resume ele.

Ele acrescenta que após o período de "terra seca", agora ele crê em um "poder de ressurreição" das igrejas, visto que ainda há uma relativa expansão.

"Temos visto um crescimento incrível, só não é de forma explosiva, mas se sustenta. Algo me diz que a Espanha está no coração de Deus", afirma.

Contra a análise de Escobar, há o fato de que o protestantismo continua à sombra dos católicos, em evidente maioria entre os espanhóis.

De acordo com dados recentes, o catolicismo romano permanece como a religião predominante na Espanha, abrangendo 70,9% da população.

Por sua vez, os cristãos evangélicos exibem um índice bem menor, com menos de 1% dos quase 50 milhões de habitantes do país.

Visto que a população não-religiosa na Espanha é de 24,6% dos habitantes, as igrejas evangélicas ficam sob o dever de pensar em um plano de revitalização.


Fonte: http://portugues.christianpost.com/

Continue lendo >>

Bíblia 'indestrutível', capaz de 'andar sobre a água' é vendida por editora dos Estados Unidos

BíbliaUma editora dos EUA passou a vender uma Bíblia "Indestrutível", que seria supostamente capaz de suportar danos do tempo e até mesmo "andar sobre a água".

A Forever Publishing afirma que se beneficiou dos avanços da nanotecnologia para produzir "A Bíblia Para Sempre" ("The Forever Bible", em tradução livre).

Fundador da editora, Jared Casey explica que as páginas da Bíblia são feitas de fibras sintéticas e materiais inorgânicos, que misturados formam um papel "altamente durável".

"É 24 vezes mais forte que o papel de celulose", diz Casey, que garante que o livro sagrado é impermeável, além de resistir a danos de sujeira ou de viagens pesadas.

Em fase de pré-venda e em busca de financiamento para a impressão das bíblias, a editora garante que obteve grande interesse, desde quando se iniciaram as encomendas, há cerca de duas semanas, com mais de mil pedidos.

Para ajudar a vender o produto, a editora também cadastrou a Bíblia no Kickstarter, um site de projetos de financiamento coletivo para novas ideias, onde já arrecadou cerca de 36 mil dólares com mais de 650 apoiadores.

Em seu perfil no Kickstarter, a descrição do projeto aponta que a Bíblia Indestrutível vem para se encaixar no perfil moderno das pessoas que gostam de viajar bastante ou praticar atividades esportivas com frequência.

"A Bíblia nos chama a viver de forma divertida, energética, vidas intensas. Somos capazes de imprimir uma Bíblia com tecnologia que permite que o livro viva com a gente de maneira nova, dentro de todos os climas e em todos os continentes", explica a página.

Apesar do forte apoio financeiro, muitos usuários do Kickstarter criticam a entrada do projeto, por não se tratar de um produto legitimamente novo.

A prova disso seria o fato de que já há outras Bíblias à prova d'água no mercado, produzidas pela editora Bardin & Marsee.

Outros comentários também consideram o projeto duvidoso, com muitas questões que a editora "se recusa a responder", dando a incerteza se a Bíblia será mesmo entregue ou se sua procedência é verdadeira.


Fonte: http://portugues.christianpost.com/

Continue lendo >>

12º Aniversário da ICpb em Santo Amaro Sirinhaém

"Nos preparando para dias que virão". Mateus 24.21. Com este tema foi realizado o XVII aniversário do templo Sede da Igreja de Cristo Pentecostal no Brasil em Santo Amaro, Sirinhaém/PE, presidida pelo Pastor Claudemir Correia de Amorim, presidente do Campo.
A festividade aconteceu nos dias 08 e 09 de agosto e contou com a presença da Congregação da ICPB em Guararapes nos dois dias.
Os Preletores convidados foram dia 08 Pastor Geovani Arcanjo da ICPB, campo de Barreiros,e dia 09 com o Pastor João Rosa do Campo de Cortês/PE.
"Diante do que presenciamos  em nossos dias, onde se prega um evangelho fácil, de prosperidade, cheio de misticismo e pragmatismo, a igreja precisa saber o que a aguada nos dias que virão. Dias que nosso Senhor Jesus já falara em suas palavras que viriam muitos em seu nome dizendo ser o Cristo e enganariam a muitos. Ainda precisamos lembrar sobre o dia da grande tribulação que virá sobre a terra, e que muitos não estão atentos a isso. Hoje não se prega mais sobre isto, nem sobre arrebatamento, e é preciso trazer isto a memoria do povo." Pr. Claudemir.

Continue lendo >>

1 de ago de 2014

V Encontro de Mulheres ICPB Srinhaém/PE

No dia 19/07/14 aconteceu  o V encontro de Mulheres, com o tema  em Ester 5.3. " Mulher qual é a tua Petição?"  na sede da Igreja de Cristo Pentecostal no Brasil, no povoado de Santo Amaro, na cidade de Sirinhaém/PE, campo  Presidido pelo Pastor Claudemir  Correia de Amorim.

O encontro contou com a presença de mais de 150 mulheres, vinda de outras ICPB, como: Guararap
es , do Campo de Sirinhaém, 31 de Março, campo de Ribeirão, e da presença pela primeira vez da ICPB campo de Barreiros, presidida pelo Pastor Geovani, alem de mulheres de outras denominações e ate de não evangélicas.


 A mensagem ficou mais uma vez com a missionária Adriane Teodósio, da Igreja Presbiteriana Renovada, em Recife. E como das outras vezes Deus usou sua serva com grande poder e autoridade.

As irmãs saíram realizadas e gratas a Deus por mais uma tarde de vitorias. Ainda no final do evento houve a conversão de uma das visitantes, alcançando assim o objetivo deste trabalho de trazer uma mensagem tanto de exortação como de evangelismo.

Após o  culto houve uma maravilhosa confraternização, onde foi servido um belíssimo jantar.
“este ano tivemos muita dificuldade, apareceram muitos contratempos, mas no final Deus nos honrou, e abençoou de forma surpreendente”. Disse o Pastor Claudemir.


“ já estamos preparando o próximo encontro que com certeza será maior que este.” Disse a Presidente do Campo da SAFP em Sirinhaém diac. Lídia,-  este ano algumas igrejas que queriam participar ficaram de fora por causa do espaço, mas estamos preparando um local maior para abrangermos a todos.” Completou.



Continue lendo >>

OBRA DA IGREJA SARA NOSSA TERRA É EMBARGADA

Uma obra de terraplanagem solicitada pela igreja Sara Nossa Terra em Ribeirão Preto (SP), foi embargada essa semana pela Polícia Ambiental por estar sendo realizada de maneira irregular em uma Área de Preservação Permanente (APP).

De acordo com a polícia, a obra de terraplanagem estava sendo realizada por uma construtora às margens de um córrego no bairro Jardim Califórnia. O tenente da Polícia Ambiental Diogo Araújo explicou que o pedido de embargo foi realizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, que constatou a irregularidade durante fiscalização no último final de semana.

A operação da polícia resultou também na apreensão de uma máquina pá-carregadeira e um caminhão que estavam no terreno. Os responsáveis pela construtora afirmaram que estavam prestando serviço à Igreja Sara Nossa Terra. Porém, Araújo explica que a empreiteira não possui autorização para realizar intervenções no local, por se tratar de uma APP: áreas próximas a córregos, leitos de rios, topos de morro e encostas, que devem ter a vegetação natural protegida.

- Os responsáveis pela obra responderão criminalmente, uma vez que o crime está previsto em lei federal. Além disso, terão que reparar o dano ambiental, plantando árvores e promovendo a recuperação do terreno – afirmou Diogo Araújo, segundo o G1.

A assessoria da denominação evangélica afirmou por meio de uma nota solicitou a colaboração da construtora para realizar a limpeza do local, que fica próximo a um templo da denominação, já que a área tornou-se abrigo de desmanches e esconderijo de traficantes. Segundo a igreja, o local passou a “representar risco à saúde e até à vida de membros do ministério e de toda a comunidade”.

A Prefeitura de Ribeirão Preto comentou o caso por meio de nota oficial, informando que já estipulou um prazo para que todo material depositado na área, que é pública, seja retirado e que “o não atendimento acarretará em novas multas”. A multa pode chegar a R$ 3 mil.

Fonte: Com Informações de Gospel Mais | Divulgação: Noticias Gospel<<<<<<

Continue lendo >>