Páginas

8 de nov de 2011

Ir a Igreja ainda vale a pena?

Uma notícia que chama a atenção é a de Carol Celico, esposa do famoso jogador Kaká, que em entrevista no programa do jô Soares, diz que agora a igreja é a sua casa. 


“Por enquanto não tenho vontade de estar em alguma igreja. Hoje minha igreja é minha casa, é o Kaká, são meus filhos, é onde temos paz”.


Como a Carol muitas pessoas tem abandonado as igrejas e até dizem como ela que em casa é onde "temos Paz", e amém por isso pois a família esta em primeiro lugar.


Por outro lado vejo que a igreja perdeu seu foco central, na carta aos Hebreus o escritor escreve o seguinte:
" E consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras,
Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia." (Hebreus 10.24-25).


A igreja(ou congregação) é o local de comunhão entre os irmãos, é e deve ser o lugar onde aprendemos sobre a união em Cristo Jesus com os nossos irmãos. Porém muitas hoje (igrejas) deixou de ser um lugar espiritual e passou a ser um lugar de negócios.
Mas não podemos por isso perdemos nossa visão como povo de Deus.


Ainda na entrevista Carol diz não se considerar evangélica, e sim cristã, pois é seguidora de Cristo. Pode alguém ser cristã sem ser evangélica? ou viver sem o evangelho? (claro que buscando o verdadeiro sentido de ser um evangélico). Por que uma igreja ou denominação não atendeu a necessidade de alguém o melhor é não frequentar mais nenhuma? Ficar em casa, ainda que transmita paz, e tranquilidade familiar é suficiente para sua vida espiritual? Não podemos esquecer que a igreja é só uma fase, igreja não é o céu, e sim um lugar onde se aprende a chegar lá. Por isso encontraremos problemas dentro delas. Ela é frequentadas por pessoas imperfeitas.


É lamentável que pessoas sejam distanciada dos lugares que foram criados para unir e reunir as pessoas, que marquem tanto de forma negativa. Precisamos rever nossos valores, como igreja de Jesus Cristo, que está no mundo para ajudar as pessoas a encontrar a paz e o verdadeiro amor em Jesus e não um lugar que fira as pessoas, que as magoem de forma que se sinta bem melhor quando estão fora dela.


Você sentiria falta de alguma igreja se ela fosse fechada?


fonte: Presb. claudemir

Continue lendo >>

Polemico: Maçonaria evangélica ganha espaço no Brasil


A maçonaria, sociedade secreta que preserva entre si princípios de fraternidade, está maior e mais popular no meio evangélico. Para traçar novas metas e objetivos foi realizado no mês de agosto o Primeiro Encontro de Evangélicos Maçons do Rio de Janeiro.


Sediado no no Hotel Guanabara, uma lista de mais de 60 maçons foram iniciados no evento. Para dirigir o culto maçônico estava o pastor Lindemberg Mendes Viana, que no meio evangélico é Diretor de Capelania da OTIB (ordem Federal de Teólogos do Brasil); Professor de Capelania da Fatum Faculdade Teológica Universal; Pastor Presidente do Ministério Ruach; Diretor de Capelania da OTIB-Federal (ordem Federal dos Teólogos do Brasil); filiado à OMEB (Ordem dos Ministros Evangélicos do Brasil); CGADB (Convenção das Assembléias de Deus do Brasil); COMADERJ (Convenção de Ministros das Assembléia de Deus do Estado do Rio de Janeiro; CIMEB (Convenção Interdenominacional de Ministros Evangélicos do Brasil) e UCEBRAS (União de Capelães Evangélicos do Brasil).

O Pastor e Deputado Federal João Campos (PSDB/GO) líder da Frente Parlamentar Evangélica também esteve presente no evento. Além disso, o pastor e Deputado Estadual Daniel Messac da Assembléia de Deus Madureira, também foi considerado integrante da maçonaria como apoiador do evento.

O encontro iniciou mais de 60 maçons

Ritos de iniciação

No ponto alto do ritual iniciação é quando o candidato é trazido diante de uma mesa grande, triangular, coberta com veludo negro, iluminada por velas e contendo onze cálices prateados e um crânio humano entronizado sobre uma Bíblia e fraz um juramento para manter segredo sobre todos os assuntos referentes a maçonaria, colocando como garantia a sua vida.

Um dos maçons mais respeitados, tido como o pai da maçonaria (Albert Pike)apela á Ordem com devidos sentimentos luciferianos ” Lúcifer é Deus. E a verdadeira e pura religião filosófica é a crença em Lúcifer, o igual de Adonai..”(Intructions to the 23 Supreme Council of the Word grand Commander,Sovereign Pontiff of Universal Free Masonry – July 14 1889).

Segundo o blog Os Doze da Última Hora esta Ordem (GOB) manda e desmanda em grande parte das Igrejas Evangélicas tradicionais no Mundo desde a segunda Guerra Mundial. No Brasil, o álibi foi a repressão política. Ato promovido pela Ditadura, aonde grande parte da liderança evangélica, com medo de morrer, perder poder e regalias, se rendeu as ofertas da Ordem.

 GOB|Pátio Gospel Noticias

Continue lendo >>

Igreja Adventista é multada em 200 mil por morte de menina em pia batismal

A União Sul-brasileira da Igreja Adventista do Sétimo Dia terá que pagar R$ 200 mil de indenização aos pais da pequena Gabrielli Cristina Eichholz, que morreu em março de 2007 dentro do tanque batismal, em um templo da instituição em Joinville (SC). A decisão foi do juiz substituto Frederico Andrade Siegel.

A morte da menina teve grande repercussão na imprensa. O pedreiro foi chamado de monstro por Andréia Pereira, a mãe de Gabrielli. No Tribunal, Rosário disse que tinha sido forçado pela polícia a assumir a autoria da violência. Após anos preso, o processo foi anulado no Tribunal de Justiça de Santa Catarina. Na época da investigação, a Gazeta de Joinville trouxe um dos mais renomados legistas do País, que constatou que a criança não tinha sido violentada.

Enquanto o processo contra Oscar era anulado, a família em Joinville pedia indenização para a igreja, que foi aceita pela Justiça. “A natureza grave do dano moral, portanto, é fator a elevar o valor da indenização; e para agravar a situação, a vítima estava apenas iniciando sua vida, cuja felicidade inicial certamente acompanharia seus pais por um longo período, conforme se espera dos acontecimentos naturais”, destacou em sentença o juiz.

“Por fim, para deixar claro, o valor da indenização não é, por óbvio, o valor de uma vida humana. Serve apenas de um lenitivo aos autores em razão do trágico acontecido, dentro dos critérios estabelecidos”, esclarece a sentença.

A Igreja Adventista poderá recorrer da condenação.

A Gazeta de Joinville constatou que a criança não tinha sido violentada.


A primeira versão

Levada ao templo pela mãe, Gabrielli estava na sala de recreação sob os cuidados de voluntárias. A menina saiu dali e foi encontrada desfalecida na pia batismal. Ela morreu em consequência de afogamento.

Bêbado, Rosário teria visto a menina brincando em um pátio do templo e entrou ali com a intenção de violentá-la.

Rosário teria estrangulado Gabrielli, masturbando-se diante do corpo dela.

Ele então teria colocado a menina na pia batismal para simular um afogamento.


Embora não tenha sido encontrado esperma em lugar algum, a versão da polícia foi reforçada pelo testemunho do pastor Izaque dos Santos segundo o qual era impossível a menina ter subido sozinha na pia batismal de 1,60m de altura. O tanque estava com 20 centímetros de água, uma quantidade para verificar se havia vazamento.

 O Diário|Pátio Gospel Noticias

Continue lendo >>