Páginas

4 de dez de 2011

Governo proíbe revista íntima em religiosos nos presídios

Uma resolução do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP) determinou o fim da revista íntima em religiosos e autoriza a flexibilização de regras de vestimenta, alimentação e higiene pessoal (barba e cabelo) para os presos.

Após reclamações de presos e entidades, como a Pastoral Carcerária, o Ministério da Justiça padronizou as regras sobre assistência religiosa nos presídios do país.

O ponto mais polêmico na resolução é o fim da revista íntima nos representantes religiosos. Valdirene Daufemback, presidente do conselho, afirma que são poucos os presídios em que ela ainda é feita, mas a pastoral diz que é uma situação comum e, às vezes, vexatória.

|Pátio Gospel Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário